Publicidade
Olimpíadas Nas piscinas

Natação do Brasil vai às finais do revezamento 4x200m livre e dos 800m em Tóquio

Na disputa dos 100 metros livre, dois nadadores do Brasil foram eliminados: Gabriel Santos e Pedro Spajari, que ficaram, respectivamente, na penúltima e na última colocações em suas baterias

Por Estadão Conteúdo
Publicado em: 27.07.2021 às 10:14 Última atualização: 27.07.2021 às 10:39

Nas águas do Centro Aquático de Tóquio, os brasileiros Fernando Scheffer, Breno Correia, Luiz Altamir e Murilo Sartori se classificaram na manhã desta terça-feira (27) para a final da prova do revezamento 4x200 metros livre, com 7min07s73. Foi o oitavo melhor tempo geral, o que garantiu a última vaga para a decisão, que tem previsão para ser disputada por volta das 0h25 desta quarta (28).

Fernando Scheffer, 21 anos, é de Canoas Foto: Jonne Roriz/ COB

Na mesma sessão, outro brasileiro garantiu vaga para a disputa de medalha na natação masculina. Guilherme Costa ficou em segundo lugar em sua bateria nos 800 metros, depois de liderar grande parte da prova. O nadador carioca, de 22 anos, conseguiu o tempo de 7min46s09 e ficou atrás somente do austríaco Felix Auboeck.

No classificatório geral, Guilherme Costa terminou em quinto lugar. "Gostei muito da prova. Sabia que tinha que começar forte e foi o que eu fiz", disse o nadador em entrevista ao SporTV logo após sair da piscina.

Na disputa dos 100 metros livre, dois nadadores do Brasil foram eliminados: Gabriel Santos e Pedro Spajari, que ficaram, respectivamente, na penúltima e na última colocações em suas baterias.

"Não foi muito bom, foi um tempo bem ruim, nem lembro a última vez que fiz um tempo parecido. Não tenho uma análise agora, preciso sentar com meu técnico e rever algumas coisas, planejamento, parte técnica", disse, desapontado, Gabriel Santos depois do resultado. "A gente fica um pouco chateado mas o resultado ruim está aí para a gente evoluir".

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.