Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Região IRPF

Últimos dias para declarar o Imposto de Renda e ficar em dia com a Receita Federal

Prazo para acertar as contas com o Leão vai até as 23h59 desta terça-feira. Atraso pode gerar multa

Por Matheus Chaparini
Publicado em: 30.05.2022 às 06:00 Última atualização: 30.05.2022 às 07:52

O prazo para a entrega do Imposto de Renda (IR) termina nesta terça-feira (31) em todo o País. Inicialmente, a data-limite era 29 de abril. Mesmo com a prorrogação, sempre há contribuintes que deixam para entregar suas declarações no último dia.

A corrida nos escritórios de contabilidade no prazo final do prazo para entrega do Imposto de Renda
A corrida nos escritórios de contabilidade no prazo final do prazo para entrega do Imposto de Renda Foto: Joceline Silveira/GES-Especial
A reportagem do Jornal NH levantou os dados referentes a 12 municípios dos Vales do Sinos, Caí e Paranhana. As informações são da Delegacia da Receita Federal em Novo Hamburgo.

Entre estes municípios, a Receita Federal estima que cerca de 214 mil contribuintes tenham que declarar o Imposto de Renda referente ao ano de 2021. De acordo com os dados da delegacia de Novo Hamburgo, quase 164 mil haviam entregue suas declarações. O número representa 76% dos contribuintes estimados. Ou seja, ainda faltavam 50,7 mil declarações.Como estão os índices na região

Novo Hamburgo tem o maior número de contribuintes e o menor percentual de declarações entregues. Dos 58,5 mil contribuintes, 16 mil ainda não haviam feito a declaração até o início do fim de semana. Realidade semelhante da vizinha São Leopoldo. A estimativa é de que 55.4 mil declarações sejam entregues. Faltavam 14,2 mil,41.281 (74%). Os maiores percentuais de entrega são de Parobé e Dois Irmãos, ambos com 84%.

Quem teve rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,00 em 2021 tem que fazer a declaração obrigatoriamente e ela pode ser entregue até as 23h59 do dia 31. Se a entrega for feita depois desta data, o contribuinte paga multa de 1% ao mês sobre o imposto devido, com valor mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido.

Riscos

Deixar a declaração para a última hora sempre amplia os riscos de se ter problemas com a Receita. Uma das complicações pode ser a necessidade de buscar documentação, sem tempo hábil.

"Se você trocou de carro ou vendeu um imóvel e não tem os documentos, o cartório não vai conseguir de uma hora para outra. O risco é uma declaração irregular e gerar desconfiança. Muitas vezes, o contribuinte cai na malha fina não por sonegação, mas por preenchimento incorreto", afirma o contador Gilberto Müller.

Outro risco que se corre é a sobrecarga do sistema da Receita Federal em função do grande volume de declarações nas últimas horas. O sistema pode ficar lento ou ter pane e o contribuinte perder o prazo.

Reta final altera rotina de contadores

Para dar conta da demanda na reta final, os escritórios de contabilidade ampliam os horários de trabalho e criam turnos excepcionais aos fins de semana. Para muitos contadores, até mesmo a madrugada desta terça será aproveitada.

Em um escritório com sede em Estância Velha, os horários foram modificados nas últimas semanas para dar conta da demanda. O atendimento ao público foi ampliado das 17h30 para as 19 horas. E o trabalho interno se estendeu até as 22 horas. Müller calcula que cerca de 100 declarações foram feitas no sábado no escritório, que funcionou das 7h30 às 19 horas, com 15 profissionais. Ele conta que, para os contadores, a época é uma oportunidade de gerar receita.

"Há muito tempo deixou de ser um problema e se tornou um produto. Então para nós é muito bom ter a safra das declarações, pois gera uma receita extra. Neste período, os escritórios já se organizam para trabalhar mais, criam contraturnos", explica.

Destinação

Parte do valor devido do imposto pode ser destinado a entidades pelo contribuinte. A pessoa física pode destinar até 6% do montante, sendo 3% para o Fundo da Criança e Adolescente e 3% para Fundo do Idoso. Ao preencher a declaração no modelo completo, é preciso acessar a aba "fichas da declaração", selecionar a opção "doações diretamente na declaração" e escolher o "fundo municipal". Em seguida, preencher o campo do valor. Para concluir, o contribuinte deve imprimir o boleto e pagá-lo até a data-limite. Novo Hamburgo possui 29 entidades aptas a receber contribuição.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.