Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Gramado Tribuna do Povo

Conselheiro tutelar alerta para crescimento de abusos e exploração infantil em Gramado

Dia Nacional de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi tema da tribuna do povo na Câmara de Vereadores

Por Redação
Publicado em: 17.05.2022 às 16:52

O conselheiro tutelar Sílvio Luciano de Andrade, conhecido como Faustão, ocupou a tribuna do povo na sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Gramado nesta segunda-feira (16). Ele falou sobre o aumento da violência sexual contra crianças e adolescentes e trouxe números sobre a temática.

Os conselheiros Fabiano Fagundes Lopes, Sílvio Luciano de Andrade (Faustão) e Elisandra Chaves
Os conselheiros Fabiano Fagundes Lopes, Sílvio Luciano de Andrade (Faustão) e Elisandra Chaves Foto: PMG/Divulgação
O Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração de Crianças e Adolescentes ocorre no dia 18 de maio, e durante a semana ocorrem diversas ações de prevenção contra esse tipo de abuso. A data lembra o dia em que a menina Araceli, de apenas 8 anos, foi drogada, violentada e morta.

“Cerca de 100 crianças e adolescentes são estupradas por dia no Brasil, é um levantamento feito pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública em parceria com a Unicef, levantamento divulgado em 2020. Crianças de até 10 anos representam quase 35%. Mesmo assim os números não refletem a gravidade da violência sexual no país, pois nem todos estados disponibilizam informações sobre a faixa etária das vítimas”, declara o conselheiro.

O estudo citado por Faustão ainda aponta que a prevalência deste tipo de violência ocorre na residência das vítimas e na maioria dos casos (86%) os autores são conhecidos. “Quando falamos em educação sexual, muitas vezes as pessoas entendem de forma errada. Não é ensinar as pessoas sobre sexo e, sim, mostrar para a criança que existem toques inadequados e que ela precisa comunicar se algo assim ocorrer. Educação sexual é fundamental para coibir esse tipo de violência”, defende em tribuna.

Segundo Sílvio, no Conselho Tutelar de Gramado 70% dos atendimentos são de abuso sexual contra a criança e o adolescente, número que vem crescendo. A instituição está trabalhando na prevenção através da informação, um método utilizado pelos profissionais é o “semáforo do toque”, que alerta as crianças para compreenderem onde adultos não podem tocar. A iniciativa preventiva ajuda a zelar pela segurança e bem-estar dos menores.

“Estamos preocupados com o crescimento da violência contra crianças e adolescentes, precisamos de políticas públicas focadas para combater esse tipo de crime, estamos perdendo essa guerra”, alerta Faustão.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.