Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Gramado Com 858 apartamentos

Prefeitura amplia compensações para autorizar construção do Hard Rock Hotel em Gramado

Empreendimento pagará R$ 5,1 milhões à administração municipal devido ao Estudo de Impacto de Vizinhança, além de precisar cumprir medidas ambientais

Por Mônica Pereira
Publicado em: 07.01.2022 às 03:00 Última atualização: 07.01.2022 às 11:47

O Hard Rock Hotel em Gramado deu mais um passo para tirar o projeto do papel. Um dos maiores empreendimentos da cidade, com quase 900 apartamentos, já possui todas as licenças necessárias para iniciar as obras. Atualmente, uma equipe atua no design interior do prédio, já que a marca é conhecida pela memorabilia, com as famosas guitarras e objetos de personalidades da música.

Hard Rock Hotel em Gramado será construído nas proximidades da RS-235
Hard Rock Hotel em Gramado será construído nas proximidades da RS-235 Foto: Reprodução
Para chegar até este ponto, o empreendimento iniciou a tramitação em 2016, gerando muita polêmica pelo porte do hotel. De lá para cá, audiência pública e reuniões com conselhos municipais da área e com o poder público foram realizadas.

O projeto do novo hotel foi aprovado no final de 2020, mas como houve uma mudança de governo no ano passado, a Prefeitura de Gramado pediu revisão de alguns pontos, como as compensações do Estudo de Impacto de Vizinhança.

"Revimos as medidas compensatórias porque é uma obra muito grande e estávamos já com uma nova proposta para o Estudo de Impacto de Vizinhança, que ainda não era regulamentado, mas tinha uma diferença entre o que tinha sido acordado com o Hard Rock e o que o decreto sugeria", conta o secretário de Planejamento, Rafael Bazzan Barros.

Uma das medidas que já havia sido aprovada era a construção de 12 casas para serem ocupadas por servidores da segurança pública, geridas pelo Movimento Comunitário de Combate à Violência (Mocovi). Contudo a previsão era que essas casas fossem construídas no Loteamento Carazal, que ainda não possui uma definição do que será feito no local. Assim, ficou decidido que a Prefeitura indicará outros bairros para que essas residências sejam instaladas. O prazo para cumprimento é até setembro de 2024.

Recurso será livre

A outra solicitação de compensação foi o pagamento de R$ 5.140.224 à administração municipal, em até 27 meses. Esse recurso irá para um fundo municipal e pode ser utilizado em obras de pavimentação, mobilidade urbana e nas contrapartidas de projetos desenvolvidos com recursos federais.

“Essa regulamentação do Estudo de Impacto de Vizinhança é bem importante porque às vezes a gente destinava essas compensações para uma obra, mas logo depois aparecia uma demanda mais urgente e não tínhamos mais como mudar. Assim, a gente consegue verificar com as outras Secretarias o que precisa ser feito de mais urgente e destinar esse aporte”, ressalta Rafael. 

Mais R$ 2,2 milhões para o Parque dos Pinheiros

Projeto do Hard Rock Hotel em Gramado
Projeto do Hard Rock Hotel em Gramado Foto: Reprodução
Além das compensações por causa do impacto da obra na estrutura da cidade, o Hard Rock precisa cumprir compensações ambientais. Um aporte de R$ 2.250.318 será para investimento no Parque dos Pinheiros.

A secretária-adjunta de Meio Ambiente, Cristine Stefens, ressalta que no final do ano passado foi criada uma Câmara de Compensação Ambiental Municipal, que ficará responsável por apresentar um plano de trabalho para a aplicação do montante. Não há um prazo definido para esse projeto.

Uma área de 86 hectares também foi adquirida pela empresa, sendo definida como “servidão ambiental de caráter perpétuo”, ou seja, não pode ter outra destinação que não seja a de preservação ambiental. Igualmente a essas compensações, há, ainda, medidas mitigatórias que deverão ser concluídas como ampliação da rede de água e esgoto. 

Valorização de Gramado

Conforme o executivo do Hard Rock Hotel em Gramado, Victor Nakamura, os trabalhos para iniciar as obras o mais rápido possível não param. “Estamos bem confiantes para avançar com um projeto que valorize ainda mais Gramado em contexto nacional e internacional. Estamos planejando os investimentos e mobilizando algumas ações in loco”, garante. Sobre as compensações municipais ele afirma que: “é uma contribuição significativa que mostra o cuidado e respeito que estamos tendo com a cidade”, completa.

O hotel, que será construído junto à RS-235, no bairro Carazal, terá três etapas. A primeira com a conclusão de 431 apartamentos, a segunda com 268 e a última com 159. A estimativa é que o empreendimento gere cerca de mil empregos no município, que foi escolhido por ser um dos principais destinos turísticos do Brasil. 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.