Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) estão protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Gramado

Empresa deixa de reembolsar mais de 600 clientes

Bela Pagamentos confirma atrasos e diz que não tem previsão, enquanto Polícia abre inquérito
12/06/2019 11:01

Foto por: Letícia de Lima/GES-Especial
Descrição da foto: Empresa de tecnologia está localizada na Várzea Grande, em Gramado
Clientes de uma empresa de tecnologia situada no bairro Várzea Grande, em Gramado, estão sendo afetados pela falta de repasses dos valores adquiridos com a venda de produtos e serviços cobrados por meio de cartão e sistema da Bela Pagamentos. Sem receber, muitos negócios lesados estão fazendo Boletim de Ocorrência (B.O.) e procurando por seus direitos na Justiça.

Na Delegacia de Polícia (DP) de Gramado, até o início desta semana foram três registros: um de uma rede de hotéis, um de um comércio da cidade, e outro referente a 11 empresas de colonos que atuaram na Festa da Colônia de Gramado. Segundo o delegado Gustavo Barcellos, titular da DP, foi instaurado inquérito policial para apurar os fatos. “Vamos começar a tomar as medidas pertinentes. As vítimas alegam que não receberam os valores que eram repassados via cartão de crédito e débito. Vai ser feito um inquérito só em relação a todas as vítimas, vamos colher todas as provas, inclusive chamar os proprietários da empresa para prestar depoimento”, explicou o delegado, que preferiu não expor valores.
A rede hoteleira registrou B.O. no último dia 6, os colonos na sexta-feira, dia 7, e o comércio no último sábado, dia 8. Os co-fundadores da Bela Pagamentos, os irmãos Arthur e Rochelle Silveira, confirmam que os atrasos estão ocorrendo e que são cerca de 600 a 700 clientes sem receber, a maioria negócios da região e em Balneário Camboriú (SC).

R$ 3 MILHÕES
Segundo Arthur, cerca de R$ 3 milhões estão em atraso. “Do dia 20 de maio pra cá 100% dos nossos clientes não recebem, antes já vínhamos com problemas, mas dessa data em diante ficou muito grave. Aconteceu uma série de fatores, vida de startup não é fácil, então nunca tivemos uma vida tranquila. Como somos uma empresa financeira dependemos muito de bancos, credenciadoras, de bandeiras, do mercado como um todo, então nenhum produto da Bela existe sozinho. No início do ano estávamos migrando nosso banco parceiro, trocamos por questões operacionais e isso deu problema, gerou atrasos, migramos também nossa estrutura de servidores e o provedor, mas agora é um problema financeiro”, justifica o empresário, assegurando que a empresa está tentando resolver mesmo não tendo previsão para o acerto do pagamento.

“Não aplicamos o golpe”
Arthur frisa que a Bela Pagamentos não agiu de má-fé e garante que está à disposição para prestar esclarecimentos aos clientes, polícia ou justiça. “Não aplicamos o golpe, não vamos sumir. Nós somos de Gramado, trabalhamos há 10 anos nisso. Estamos dando o nosso melhor para resolver”, sustenta. O empresário reconhece que apesar do processo do pagamento envolver toda uma cadeia do mercado financeiro, a responsabilidade pelo não repasse é da Bela Pagamentos. “Quem detém o contrato com os clientes é a Bela, é ela quem repassa e é responsável primeiramente por tudo. Não importa quem é o fornecedor. Teve situações paralelas que agravaram esta crise, mas o que nos trouxe até aqui é responsabilidade nossa”, conclui. O empresário pontua, ainda, que o empreendimento está desde o início do ano buscando linha de crédito e investidores. “Só que infelizmente são conversas que demoram, fogem do nosso controle”, pondera.

Cliente tem R$25 mil para receber
Uma empresária do ramo de alugueis por temporada, que prefere não se identificar, afirma que não recebe suas transações por meio da Bela Pagamentos desde 20 de maio. Segundo ela, há mais de um mês o repasse dos valores estavam atrasando. “Eu precisava ligar lá toda a semana e eles diziam que era um problema de sistema, mas depois explicaram que não existe previsão de acerto com os clientes”, afirma a empresária.

Segundo ela, a empresa nunca foi incorreta e sempre se mostrou séria auxiliando em cada ponto solicitado, no entanto, ela preferiu reaver seus pagamentos na Justiça. “Agora estou de mãos atadas, tenho R$25 mil para receber e seguir tocando meu negócio”, argumenta. A cliente comenta que utilizava apenas os serviços online da empresa e estava satisfeita.

Jornal de Gramado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
54 3286.0988
CENTRAL DO ASSINANTE

54 3286.0718
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS