Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) estão protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Tecnologia
Veja o que fazer

Cuidado: seus créditos do celular pré-pago podem sumir

Usuários de linhas pré-pagas estão reclamando de manobras das operadoras que acabam com créditos
10/03/2019 23:43 11/03/2019 16:10

Foto por: Stock Xchng/Divulgação
Descrição da foto: Várias armadilhas para usuários de linhas de celular pré-pagas podem sumir com seus créditos
Tem usuários de celular pré-pago, de várias operadoras, reclamando que seus créditos estão sumindo. Mesmo quem não usa o aparelho, tentando fugir das altas tarifas para as ligações de pré-pago, acaba se surpreendendo com o consumo inesperado. Em casos extremos, tem gente cuja linha foi desativada por falta de créditos.

Há várias malandragens de operadoras que acabam produzindo esta surpresa desagradável para os usuários. Veja algumas delas:

1 - Crédito expirado. O usuário de pré-pago tem um prazo para colocar créditos, mesmo que não tenha consumido os anteriores. Pode variar de um mês a três meses, conforme a operadora e o plano. Algumas operadoras oferecem diferentes recargas, algumas com validade de um mês, outras de três, mas nem sempre isso fica muito claro na contratação. É importante lembrar que os créditos não podem ser apagados pela operadora, embora ela possa suspender a linha se não houver recarga após o prazo.

2 - Ligação de publicidade sacana. Muitos usuários acabam descarregando seus créditos porque recebem ligações indesejadas de publicidade, tanto da operadora quanto de outras empresas. Quando se trata de interurbano, o cliente de pré-pago, conforme o plano e a operadora, pode acabar pagando parte da ligação ou até toda a ligação.

3 - SMS indesejado. O mesmo efeito da publicidade indesejada acaba acontecendo, em alguns casos, no SMS, porque os torpedos não fazem parte de todos os planos, e em alguns casos um torpedo recebido acima de certa cota acaba abatendo nos créditos. 

4 - Apps acessando dados. Se você tem smartphone pré-pago, precisa andar com os dados móveis desligados o tempo todo na rua quando quiser evitar gastar créditos. Isso porque muitos aplicativos ficam acessando a Internet, seja para atualização, seja para conteúdo mesmo. O problema é que alguns desses apps são embutidos no sistema operacional do telefone e a própria operadora desabilita no celular a capacidade do usuário desativar seu uso de rede. Com isso, eles consomem dados até à revelia do usuário.

5 - Contratação por erro. Tem várias armadilhas na contratação de planos adicionais. Às vezes, o usuário recebe um SMS ou mensagem vendendo um plano, e clica sem querer em um link para ativar a "oferta" ou acaba contratando o plano por acidente. Algumas operadoras inclusive ligam para o usuário, e um vendedor acaba vendendo um plano sem ser muito claro sobre isso. Em muitos casos, isso vai consumir créditos que o usuário nem desconfiava.

COMO FUGIR DO PROBLEMA:

Na situação 1, é preciso estar atento para os prazos de recarga e, se necessário, ligar para a operadora quando os créditos forem deletados (o que é proibido). Na situação 4, dependendo da operadora, pode adiantar ligar e pedir que os serviços sejam desabilitados. Na maior parte das vezes, é preciso controlar manualmente o acesso dos aplicativos, tanto desligando dados móveis quanto, até, interrompendo a execução dos programas. Nas situações 2 e 3 também pode ser preciso ligar para a operadora, que em certas situações, quando se tratar de publicidade da própria operadora, ás vezes pode até devolver os créditos. Mas os problemas 2 e 3 são os mais difíceis de resolver, e alguns usuários até desistiram. A situação 5 pode ser mais fácil de fugir prestando atenção, mas costuma pegar os incautos e às vezes vitima os idosos.



  • Mercado de tablets e smartphones segue em expansão no Brasil
    Foto: Stock Xchng/Divulgação
  • Celular
    Foto: Divulgação/Sxc.hu

Jornal de Gramado

Tecnologia

por André Moraes
andre.moraes@gruposinos.com.br

André Moraes é editor de Tecnologia do Jornal NH. Sua experiência profissional inclui o jornalismo de divulgação científica, publicações técnicas e reportagem de tecnologia.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS