Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) estão protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Mundo Pet

Férias na praia tem que ser com os gatos

Casal não desgruda dos pets na temporada de verão
15/03/2019 10:21 15/03/2019 10:23

Foto por: Laura Gallas/GES-Especial
Descrição da foto: Cláudio com Negão, Loni com Gorda, e o neto do casal, Miguel
Quando começa a temporada de verão, o casal Cláudio e Loni Thiele já se programa para passar alguns meses no litoral gaúcho. Mas eles não vão sozinhos, o banco de trás do carro é reservado para os gatos Negão e Gorda, além da gaiola com o passarinho. Os animais de estimação foram adotados e hoje são integrantes da família.
Os pets são levados nas caixas de transporte e a viagem, segundo Loni, é muito tranquila. “Eles dormem o percurso todo”, afirma. Ao contrário do que muitos pensam de que o gato tem dificuldade para adaptação, Negão e Gorda adoram essa mudança.

Acostumados
“A rotina deles na praia é parecida com a que temos em Gramado, eles ficam sempre por casa e às vezes passeiam pela vizinhança”, conta Cláudio. O que muda, na verdade, é o cardápio dos felinos. O café da manhã e a janta dos pets é peixe fresquinho, pescado pelos tutores. Nas férias a presença do neto do casal, o Miguel, também é apreciada pelos felinos.

Adotar é um ato de amor

Casados há 41 anos, Cláudio e Loni assumem que sentem falta dos bichinhos quando um deles precisa voltar a Gramado por alguns dias durante o veraneio. A Gorda foi resgatada há 7 anos por Loni na mesma praia onde possuem casa. A gatinha tinha uma das patinhas machucadas. Há dois anos, Negão entrou para a família, mas com a sensação de já pertencer a ela. O bichano foi adotado no Instituto Sierra. “Gosto de comentar que foi ele quem me escolheu quando chegamos no gatil, muito dócil e querendo atenção”, lembra Loni. O gato chegou em seu novo lar e parecia que conhecia tudo, não estranhou nada.

Banho bom

Todos os dias, quando Loni vai tomar banho, Negão pede atenção. “Eu tenho que molhar a mão e passar nele, e se demoro, ele resmunga até eu fazer“, comenta aos risos. A felicidade do casal é ter os bichinhos por perto.

Jornal de Gramado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS