Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) estão protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Polícia

Preso suspeito de fornecedor explosivos para assaltos

Furão foi detido em Canela na Operação Barreiros
09/11/2018 09:56 09/11/2018 09:56

Foto por: Polícia Civil
Descrição da foto: José Antônio de Oliveira, conhecido como Furão
Investigado por envolvimento em assaltos a bancos com o uso de explosivos, José Antônio de Oliveira, de 50 anos, conhecido como “Furão”, foi detido na primeira etapa da Operação Barreiros da Polícia Civil em Canela na manhã de quinta-feira, dia 8. A ação foi coordenada pela 1ª Delegacia de Polícia de Repressão a Roubos, do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e contou com o apoio da Delegacia de Polícia do município. Segundo informações do Deic, Furão fazia parte da quadrilha que atacou com explosivos uma fábrica de joias em Cotiporã, em 30 de dezembro de 2012. Na ocasião, alguns dos bandidos foram mortos em um confronto com a Brigada Militar e os demais integrantes foram presos durante as investigações, desenvolvidas pelo Deic.

A suspeita da polícia era a de que o criminoso continuava a fornecer e a preparar os artefatos explosivos usados em ações mais atuais. Com Furão foram encontrados munições de diversos calibres e tubos de pólvora. Segundo o delegado João Paulo de Abreu, do Deic, ao todo, em Canela foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão relacionados a Operação Barreiros. De acordo com Abreu, além da apreensão de material explosivo, armas, drogas e objetos ilícitos, a ação teve como finalidade comprovar a materialidade de demais crimes, como tráfico de drogas e posse ilegal de explosivos. Os presos foram recolhidos ao sistema prisional.

Mãe e filho presos em Alvorada
Em Alvorada também foram cumpridos ordens judiciais: oito no total. Na cidade da Região Metropolitana foram presas uma mulher de 54 anos, e um homem de 34, mãe e filho respectivamente. De acordo com a polícia, com eles foram apreendidos diversos tipos de drogas, como cocaína em pedra e em pó, maconha, além de valores em espécie, balança de precisão, reafirmando desta forma a suspeita da prática do delito de tráfico de drogas.

Investigações


As investigações foram desencadeadas a partir de um furto arrombamento a um caixa eletrônico do Banrisul praticado com explosivos e uso de arma de fogo. O fato aconteceu no dia 2 de fevereiro de 2018, na cidade de Barra Funda. No mesmo dia, policiais militares receberam a informação de que o mesmo grupo de criminosos se deslocava em direção à cidade de Lajeado. Conforme ocorrência policial, após perseguição e troca de tiros na Rodovia BR-386, no km 339, em Lajeado, efetuaram a prisão em flagrante de três bandidos. O Deic prosseguiu com as apurações e constatou que o fato foi praticado, em tese, por organização criminosa que se relacionava a outros delitos, além de identificar demais participantes, como o Furão, além do trio preso na rodovia federal. Segundo o Deic, as investigações e ações operacionais prosseguem, com a finalidade de se apurar a conduta de outros investigados.

Apreensões podem ter origem criminosa


A Polícia Civil de Canela informa, ainda, que foram apreendidas ferramentas que podem ter origem criminosa, especialmente de furtos da região, razão pela qual eventuais vítimas podem comparecer à DP para reconhecimento e, se for o caso, restituição.


Jornal de Gramado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS