Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Brasileirão

Grêmio vence o Galo com autoridade e tranquilidade

Tricolor aplicou 2 a 0 no Atlético-MG, na Arena

Lucas Uebel/Grêmio
Jogadores comemoram o gol tricolor, marcado por Pedro Rocha
Um dos presidentes mais marcantes da história tricolor Hélio Dourado teria orgulho do que o Grêmio mostrou neste domingo, na Arena, nos 2 a 0 diante do Atletico-MG, gols de Pedro Rocha e Fernandinho. O misto quente mandado a campo por Renato Portaluppi encarnou o que Dourado - homenageado com um minuto de silêncio, nome na camisa dos jogadores e um emocionado aplauso da torcida - bradava como uma de suas máximas: “Aqui é Grêmio!”. Imposição sobre o Galo mineiro que veio com a bola no chão e equilíbrio tático e técnico em todos os setores, mesmo que meio time titular tenha ficado de fora, poupado para o duelo diante do argentino Godoy Cruz, na próxima quarta, na volta da Libertadores.

Se o Atlético-MG também poupou estrelas mirando a maior competição do continente, isso não retirou o mérito do triunfo gremista, que chegou aos 39 pontos e segue na perseguição ao líder Corinthians, com 47. Luan, que estaria sendo negociado com o futebol russo e fez seu jogo de número 200 no clube, foi o brilho técnico junto com Fernandinho. Ambos, flutuaram com a bola, chamaram o protagonismo e esbanjaram categoria. No primeiro gol, logo aos 4min, Luan escapou em velocidade e serviu Everton, que cruzou na medida para o letal Pedro Rocha testar pras redes.

No segundo, aos 26min, Luan achou Léo Moura na direita, correu pra área e cabeceou com violência. Vitor defendeu pra frente e a redonda sobrou limpa para Fernandinho pelar o Galo, fazer seu sexto gol na competição e o 35º do melhor ataque do Brasileirão. Nos 45 finais o Grêmio só administrou. O suficiente para o estreante Paulo Vitor ainda brilhar em pênalti cobrado com displicência por Robinho, para delírio da massa azul.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 2

Paulo Victor; Leo Moura, Bruno Rodrigo, Bressan e Marcelo Oliveira; Maicon (Jaílson), Arthur, Luan e Fernandinho; Pedro Rocha (Lincoln) e Everton (Patrick). Técnico - Renato Portaluppi.

ATLÉTICO-MG 0

Vitor, Alex Silva, Bremer, Mateus Mancini e Leonan; Roger Bernardo, Adilson (Marlone), Yago e Valdivia (Pablo); Otero e Elder (Robinho). Técnico - Rogério Micale.

Cartões amarelos: Maicon e Arthur (G)

DETALHES – Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre-RS. Arbitragem de Flavio Rodrigues de Souza, auxiliado por Daniel Paulo Ziolli e Daniel Luis Marques.

Cartões amarelos: Maicon e Arthur (G)

Sinais claros da saída de Luan

Na análise pós-jogo o técnico Renato Portaluppi elogiou a postura do time e projetou o duelo da quarta, pela Libertadores. “Tivemos muito foco e concentração durante os 90 minutos e os atletas têm feito o que tenho pedido. E não é porque agora é Libertadores que vamos mudar. Temos uma pequena vantagem, mas vamos esquecê-la e jogar para ganhar, pra passar à próxima fase”, afirmou. Quanto a distância para o Corinthians e os demais times do G4, sintetizou. “Temos que fazer a nossa parte para continuarmos vivos. É importante a vantagem que está sendo aberta pros times que estão atrás”, analisou. Sobre a provável saída de Luan, desconversou. “Isso é com a direção. Tem a janela aí, acontece com todos os clubes, podemos perder gente, mas tenho que cuidar do meu grupo”, disse. Já o presidente Romildo Bolzan elogiou a escolha do técnico por garotos da base no banco e não negou a saída de Luan. “Vamos sobreviver, temos um plantel forte e competitivo. A venda do Luan não é boa só para o Grêmio, é também para o atleta. E está na hora de ele realizar a sua carreira”, destacou.

AZUIS

Meia Gata Fernández, 33 anos, está sendo emprestado ao Estudiantes de La Plata, clube onde foi campeão da Libertadores. Na última semana o Grêmio já havia inscrito Douglas na vaga do argentino na lista de atletas da Libertadores.

Volantes Maicon e Arthur forçaram o terceiro cartão amarelo. Com isso, estão fora do primeiro jogo do returno do Brasileirão, no próximo domingo, diante do Botafogo, no Rio de Janeiro.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS