Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Valorização do folclore

Nova Petrópolis é a terra da diversidade cultural

Ontem ocorreu a abertura oficial do 45º Festival Internacional do Folclore e ensaios gerais

Laura Gallas/GES-Especial
Rose e Marta prepararam os últimos detalhes da decoração da Rua Coberta
A Praça das Flores e a Rua Coberta de Nova Petrópolis, desde ontem, dia 14, são redutos de visitantes e participantes do Festival Internacional do Folclore. O evento chega a sua 45º edição com o tema “Nossa bandeira é a Diversidade” e, segundo Paulo César Soares, membro da comissão organizadora, este ano terá o maior número de nacionalidades participantes.

Laura Gallas/GES-Especial
Grupo da Colômbia ensaiou últimos detalhes na tarde de sexta-feira. É a primeira vez deles no Brasil
Pela primeira vez no Festival e também no Brasil, o grupo da Colômbia está encantado com a receptividade em Nova Petrópolis. “As pessoas aqui são muito amáveis, a cidade é linda e a organização é ótima”, ressalta Braulio Panqueva, coordenador da Compañia Internacional de Danza Paipa, da cidade de Paipa, localizada no departamento Boyacá da Colômbia. Cerca de 24 bailarinos demonstrarão, através da dança, uma combinação dos ritmos entre a salsa, a eletrônica e o reggaeton.

Antes mesmo da inauguração oficial, as servidoras Marta Liana Buhs e Rose Krauspenhar preparavam os últimos detalhes da decoração desta edição histórica. “Muita coisa reaproveitamos de ornamentos, mas sempre há uma novidade”, frisa a bibliotecária Marta. Para ela, este momento que se vive na cidade é de muito orgulho e ansiedade. “Queremos que tudo corra bem, mas o melhor de tudo é o contato que temos com pessoas de fora”, completa Rose.

Abertura oficial

Mauro Stoffel/Divulgação
Grupos foram representados no palco na abertura oficial
Na noite ontem ocorreu a abertura oficial do evento com o acendimento da Tocha Folclórica e a apresentação do espetáculo “Folcloristas, Histórias do Festival” uma homenagem a folcloristas locais pelo trabalho realizado durante estes 45 anos de evento. “Muito emocionante poder resgatar a história do evento e de tantas pessoas que fizeram ele crescer e ser referência de cultura para muitos”, avaliou Paulo.

17 dias de intensas atrações

Nesta edição serão nove grupos folclóricos internacionais, sete nacionais, sete regionais e 23 grupos locais que se apresentação até o dia 30 de julho no município. A programação será intensa com as apresentações de grupos folclóricos no palco da Rua Coberta. O esperado Desfile de Integração inicia no Parque Aldeia do Imigrante às 15h e encerra na Praça das Flores. O Welt Bier Fest - Festa das Cervejas do Mundo será na Sociedade da Linha Brasil, às 19h. A organização estima um público total de 120 mil pessoas durante os 17 dias do evento. A programação é diária e pode ser conferida no site: www.festivaldefolclore.com.br/programacao.php.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS