Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Reforço para o turismo

Canela retoma tratativas do Aeroporto das Hortênsias

Projeto está previsto para ser instalado no Saiqui

Divulgação
Prefeito de Canela e secretários destacaram a importância para a região
A Prefeitura de Canela está retomando as discussões envolvendo o Aeroporto Regional das Hortênsias, cujos estudos indicaram uma área localizada no bairro Saiqui como a mais adequada para receber o empreendimento. Na manhã da última sexta-feira (7), o secretário de Meio Ambiente, Urbanismo e Mobilidade Urbana, Paulo Nestor Tomasini, intermediou uma reunião com representantes da Associação Comercial e Industrial de Canela (ACIC), juntamente com o prefeito Constantino Orsolin e o secretário de Governança, Planejamento e Gestão, Vilmar Santos.

Na pauta do encontro estava o andamento do projeto do aeroporto e a importância deste equipamento para o desenvolvimento do turismo na região. “Reuni toda a documentação disponível aqui na Prefeitura como decretos, desapropriações e licenciamentos ambientais emitidos pelos órgãos competentes. Precisamos retomar as discussões com a sociedade”, afirma Paulo Tomasini, destacando que o Aeroporto Regional já é uma necessidade.

SOBREVIVÊNCIA DO TURISMO

“Entre a chegada no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre e a vinda para a Região das Hortênsias, o turista acaba perdendo cerca de quatro horas nas estradas devido ao fluxo viário carregado. O Aeroporto das Hortênsias é uma questão de sobrevivência para o nosso turismo e precisa virar realidade, pois já existe uma área definida aqui em Canela onde foram realizados diversos estudos de impacto ambiental”, avalia o secretário Paulo Tomasini.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS