Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Niyama
Blog Niyama

O que é ser zen?

Muito se fala em ser zen, em buscar uma vida mais tranquila. Mas por onde começar? E como?

Comentário veiculado no programa Carona desta sexta-feira, no bloco Momento Zen, na Rádio ABC 900.

Vivemos nossos dias de um jeito acelerado e cheio de estímulos. De uma certa forma, parece que nós já percebemos que precisamos diminuir um pouco o ritmo. Várias pesquisas e as nossas próprias vivências têm demonstrado os perigos do estresse, e o quanto nos custa engatar a quinta marcha e ligar o piloto automático para dar conta de todas as tarefas do dia-a-dia. Rotina em alta velocidade, agenda cheia de compromissos e a mochila cheia de remédios. Em outras palavras, às vezes parece que passamos correndo pela vida, e não a vivemos.

Muito se fala em ser zen, em buscar uma vida mais tranquila. Virou moda fazer yoga, praticar meditação e exercícios de respiração. Mas o que isso significa de verdade?

Oficialmente, zen é o nome que se dá a uma tradição e filosofia milenar oriental. Está associado ao budismo, ao taoismo e também à prática de meditação zazen (que significa meditar sentado). Hoje, associamos muito a palavra a uma vida equilibrada e ao autoconhecimento, até. Mas é uma longa jornada e o nosso coração precisa estar aberto para isso. Não há uma lista nem receita de bolo para viver uma vida mais tranquila. Às vezes, é um desafio de todos os dias. Mas tentar prestar atenção nas nossas emoções e pensamentos já é um bom começo. E é importante buscar ferramentas pra isso, que fechem com o nosso jeito de ser. O exercício físico, por exemplo, é uma ótima alternativa para acalmar a mente e se conhecer melhor. Mas seja terapia, yoga, meditação, dança, arte marcial ou uma academia, o importante para a busca do bem-estar é a dedicação, a disciplina e o respeito com os próprios limites.

Mais do que cuidar do nosso corpo, precisamos cuidar da mente. E o corpo é um bom termômetro para gente medir como está a nossa cabeça - e também acalmar os milhares de pensamentos que flutuam por ela. Durante um curso, um professor de ayurveda, que é a ciência medicinal da Índia, comentou que não adianta o carro estar em perfeitas condições se não estamos fazendo uma boa viagem.

Vamos viajar?

Bom fim de semana!


Niyama

por Raquel Reckziegel
raquel.reckziegel@gruposinos.com.br

Mente. Energia vital. Autoconhecimento. Respeito ao corpo, aos próprios limites e ao mundo em que vivemos. A prática do yoga vai muito (mas muito mesmo!) além de meia dúzia de posturas de alongamento. O blog Niyama* surgiu justamente para apresentar um pouco desta fascinante filosofia de vida que se concentra não somente no corpo, mas em aquietar as flutuações da mente, curtir o presente e descobrir uma forma diferente de encarar a vida. Raquel Reckziegel é jornalista, trabalha na redação online dos sites do Grupo Sinos e pratica yoga há quase dois anos. (*Niyama é uma espécie de "código de conduta" que permite ao praticante olhar para dentro de si seguindo cinco conceitos: pureza, ou saucha; contentamento, ou santosha; austeridade, ou tapas; auto-estudo, ou svadhyaya; e devoção (ishvara-pranidhana).

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS