Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Prisão

Professora do Presídio é flagrada entregando celular a detento

Ela estava sendo investigada pela Polícia Civil de Canela desde o começo do ano

Divulgação
Os objetos foram apreendidos no banheiro da sala de aula do presídio e estavam sem uso
Uma professora que dava aulas no Presídio Estadual de Canela (Pecan) foi presa em flagrante na tarde desta sexta-feira, dia 19, em uma ação conjunta entre a Polícia Civil (PC) e a Susepe. Ela foi flagrada por uma câmera oculta entregando um aparelho celular com chip e carregador a um detento. Segundo o delegado Vladimir Medeiros, titular da Delegacia de Polícia de Canela e responsável pelas investigações, a gravação foi realizada com autorização judicial. A professora estava sendo investigada pela PC de Canela desde o começo do ano, quando as suspeitas sobre ela se intensificaram. Os objetos foram apreendidos no banheiro da sala de aula do presídio e estavam sem uso. Os policiais e agentes penitenciários acompanharam as imagens em tempo real, apreendendo o celular antes que o detento pudesse pegá-lo.

Medeiros destacou que se trata de crime absolutamente reprovável, uma vez que a professora tinha como missão dar aulas para os presos, mas acabou agindo também de forma criminosa ao levar celulares ao presídio. “A professora foi presa em flagrante pela prática dos crimes de corrupção passiva e ingresso de telefone em estabelecimento prisional, não tendo sido arbitrada fiança”, completa o delegado. As investigações foram feitas pelo Cartório de Combate à Corrupção, aos Crimes contra a Administração Pública e à Lavagem de Dinheiro da Delegacia de Polícia de Canela. A acusada agora cumpre pena no Presídio de Canela.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS