Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Copa do Brasil

Inter e Corinthians ficam no 1 a 1 e decisão da vaga segue em aberto

Jogo da volta será em São Paulo e o resultado dá aos corintianos a vantagem do empate por 0 a 0 para avançar às oitavas de final

Ricardo Duarte/Inter/Ricardo Duarte/Inter
Rodrigo Dourado marcou o gol do Inter diante do Corinthians
Numa noite de bom futebol, Inter e Corinthians ficaram no 1 a 1, no Estádio Beira-Rio, no jogo de ida da 4ª fase da Copa do Brasil. O resultado não foi muito bom para os comandados do técnico Antônio Carlos Zago, pois os paulistas ficaram com a vantagem do empate por 0 a 0, já que marcaram gol fora de casa. Em caso de novo 1 a 1, o jogo a classificação será decidida nos pênaltis, já o empate por dois gols ou mais, dá Inter. A partida de volta será na próxima quarta-feira, às 21h45, na Arena Corinthians.

O primeiro tempo pode ser descrito em uma palavra: eletrizante. Os donos da casa chegaram no primeiro minuto com Edenílson. A resposta corintiana veio aos 3min, quando Marcelo Lomba defendeu dois chutes à queima roupa de Romero. Depois dos 15min, o Colorado pressionou e mostrou superioridade. Aos 19min, Edenílson tentou cruzar, mas a pelota acertou a trave de Cássio, e no rebote, Nico López furou. Nos contra-ataques, os vermelhos tiveram pela menos mais três chances, mas Nico López e Brenner perderam oportunidades incríveis. O Corinthians quase chegou aos 31min, quando Maycon chutou e Lomba apareceu de novo para evitar o gol. Após a forte pressão, o Inter diminui o ritmo e as equipes seguiram para o vestiário sem balançar a rede.

Se na etapa inicial os dois times ficaram no bico seco, no segundo tempo os gols apareceram. Aos 8min, os visitantes abriram o escore após cruzamento de Arana, que achou Romero livre na segunda trave para completar. O Inter não demorou para responder. Aos 11min, D’Ale cobrou escanteio curto para Nico López encontrar o elemento surpresa Dourado, que se antecipou à zaga e mandou de cabeça para a rede: 1 a 1.

Por volta dos 30min, Nico López – que comeu a bola ontem – deu lugar a Valdívia, que no primeiro lance fez grande jogada e quase virou o jogo. Na sequência, Lomba salvou o Inter mais uma vez em chute de Giovanni Augusto, que esteve envolvido na polêmica da troca com o cabeludo colorado. No final, Zago ainda promoveu a estreia do chileno Gutiérrez, que teve pouco tempo para jogar. O Inter agora volta as atenções para o primeiro duelo da semifinal do Gauchão, sábado, às 19 horas, contra o Caxias, no Beira-Rio.

INTER

Marcelo Lomba; William, Léo Ortiz, Víctor Cuesta e Carlinhos; Rodrigo Dourado, Edenílson (Felipe Gutiérrez), Uendel, D'Alessandro; Nico López (Valdívia) e Brenner (Carlos). Técnico - Antônio Carlos Zago.

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Arana; Gabriel e Maycon (Camacho); Romero, Rodriguinho e Marquinhos (Giovanni Augusto, Léo Jabá); Clayton. Técnico - Fábio Carille.

DETALHES

Local - Beira-Rio, em Porto Alegre. Arbitragem - Wagner Magalhães (FIFA), auxiliado por Luiz Regazone e Thiago Henrique (trio carioca).


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS