Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Emílio Leobet, 1559, sala 21 - Bairro Avenida Central - Gramado/RS - CEP: 95670-000
Fones: (54) 3286.1666 - Fax: (54) 3286.4015

PUBLICIDADE
Motores
Apresentação

Conheça o Captur, o novo SUV da Renault

Modelo da montadora francesa chega às lojas em 10 de março
Por Micheli Aguiar
A Renault fez nesta terça-feira (14) o pré-lançamento do seu mais novo Suv, o Renault Captur. Todo idealizado pela equipe brasileira da montadora francesa, o veículo será produzido em São José dos Pinhais, no Paraná. O lançamento oficial, entretanto, fica para 10 de março. Quem quiser já fazer teste drive e conhecer o modelo, é possível. Uma semana é o prazo para a entrega de quem se apaixonar e comprar o veículo.
Novidade no Brasil, o modelo já é sucesso na Europa, onde o Captur é baseado no Clio. Aqui em terras tupiniquins, na Rússia, onde já está rodando, e na Índia, onde chega em três meses, o modelo é baseado no sucesso Duster - veículo que segue como primeiro de linha para a marca. A versão brasileira também foi apresentada ao público no Salão do Automóvel do ano passado.
  • As opções de cor de pintura em único tom para o Captur são branco, cinza, prata e preto
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Rodas de liga leve de 17 polegadas fazem parte dos itens de série do Captur
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Os preços do Captur partem de R$ 78.900
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Modelo brasileiro do Captur é baseado na Duster
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Novo SUV da Renault, o Captur foi apresentado ao mercado brasileiro nesta terça-feira, em São Paulo
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Novo Renault Captur: visão lateral
    Foto: Renault/Divulgação
  • Novo Renault Captur: sinaleiras traseiras
    Foto: Renault/Divulgação
  • Novo Renault Captur: porta-malas
    Foto: Renault/Divulgação
  • Novo Renault Captur: Motor
    Foto: Renault/Divulgação
Preços
O Captur brasileiro parte de R$ 78.900, na versão Zen, que tem motor 1.6 flex, de 120 cavalos (com etanol), o mesmo do Duster, e câmbio manual de 5 marchas. Se quiser central multimídia MediaNav e câmera de ré, a conta sobe para R$ 80.890.
A segunda configuração disponível é a Intense, com motor 2.0 (148 cv) e câmbio automático de 4 marchas, por R$ 88.490. Bancos de couro são opcionais (R$ 1.500).
Ambas também cobram mais por pintura em dois tons (carroceria e teto): R$ 1.400.
Motor e consumo
O motor 1.6 de Captur e Duster teve melhorias no ano passado, quando estreou no Sandero e no Logan.
Para o Duster ele passou a entregar consumo 18% menor. As médias para o Captur divulgadas pela montadora são:
• na cidade: 7,6 km/l (etanol); 10,9 km/l (gasolina)
• na estrada: 8,0 km/l (etanol); 11,3 km/l (gasolina)
Para o 2.0, são:
• na cidade: 6,2 km/l (etanol); 8,8 km/l (gasolina)
• na estrada: 7,3 km/l (etanol); 10,8 km/l (gasolina)
Equipamentos
De série, o novo Renault conta com:
• ar-condicionado e vidros elétricos
• controles de estabilidade e de tração
• direção eletro-hidráulica (um motor elétrico aciona o sistema de direção hidráulica)
• airbags laterais (fora os frontais obrigatórios)
• controle de velocidade de cruzeiro
• assistência de retrovisor com rebatimento elétrico
• rodas de liga leve 17 polegadas
• sensor de estacionamento traseiro
• luzes diurnas de LED (válidas para a lei do farol de dia nas estradas)
• farol de neblina em LED
• sistema Isofix (mais simples) para cadeirinha
• Bluetooth
• Chave-cartão
Um detalhe que chama a atenção é a chave-cartão. Ela é presencial: basta tê-la no bolso para poder apertar o botão de partida e ligar o carro. É um “mimo” que a Renault tinha aqui no Mègane e continua oferecendo na Europa, inclusive no Captur de lá (baseado no Clio).
As opções de cor de pintura em único tom são branco, cinza, prata e preto. Para carroceria com cor diferente do teto há 9 combinações possíveis, com mais opções de cor para a carroceria.
Micheli Aguiar viajou a São Paulo a convite da Renault

Motores

por Adair Santos
abcmotores@gruposinos.com.br

Gasolina na veia - O tricampeão de Fórmula 1 Nelson Piquet sempre alardeava que nas suas veias não corria hemoglobina, e sim gasolina. Uma anomalia genética que atinge milhões de pessoas no mundo e, pelo jeito, não tem cura. Jornalista há 15 anos, Adair Santos é um desses anormais que literalmente respiram tudo que diz respeito a veículos. Editor do caderno Motores, que circula semanalmente às quartas-feiras no Jornal NH, Jornal VS e Diário de Canoas, é apaixonado por carros, motos e aviões - ou seja, tudo o que tem motor, exceto a maquininha de obturação do dentista. Motores invade a rede - Os carros recém-lançados, aqueles protótipos bizarros que talvez nunca cheguem às ruas, dicas úteis sobre veículos e testes exclusivos. Além da versão impressa, que circula semanalmente às quartas-feiras no Jornal NH, Jornal VS e Diário de Canoas, agora as notícias sobre veículos contam com este importantíssimo espaço virtual para serem divulgadas. Não deixe de participar mandando sugestões e, quem sabe, até um flagrante fotográfico de um veículo que ainda está em fase de testes e futuramente vai ser fabricado no Brasil. Eu e minha máquina - Se você tem orgulho da sua máquina, seja ela um carro antigo ou novo, motocicleta, um triciclo ou até bicicleta, envie sua foto. Junto, informe seu nome completo e idade, cidade onde reside, telefone para contato, marca, modelo, ano de fabricação do veículo e desde quando tem ele na garagem. Mas atenção: não vale mandar só a foto do carro ou moto, você também tem que aparecer na imagem. Então, mãos à obra: passe uma cera na lataria, um gel no cabelo e faça o registro fotográfico.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS